Tudo o que você precisa saber sobre o MEI – Microempreendedor Individual

09 de junho de 2021

Tudo sobre o MEI

Muitos se falam sobre o MEI, mas pouco se sabem ao respeito. Pela facilidade nessa legalização os pequenos empresários se tornam Microempreendedor sem conhecimento necessário e depois vem as consequências.

Vamos entender tudo sobre o MEI através desse artigo e também as consequências de abrir uma sem o devido conhecimento.

O que significa MEI?

MEI é a sigla para Microempreendedor Individual. Essa opção é para aqueles profissionais autônomos que trabalham irregular e desejam legalizar a sua empresa.

Essa também é uma opção para aqueles profissionais que desejam efetuar o pagamento do imposto INSS, para adquirir benefícios previdenciários, aqueles concedido pelo INSS.

Essa forma de legalização é mais vantajosa pois traz benefícios onde o profissional irregular não possui.

Para se tornar um Microempreendedor Individual é simples, rápido e gratuito, só tem que se atentar as objeções antes de se tornar MEI.

Quem pode se tornar MEI?

I – Se estiver dentro das atividades permitidas do MEI

Existe uma lista das atividades permitidas para se tornar MEI, antes de iniciar o processo de abertura precisa verificar se o seu tipo de empresa se enquadra nessa lista.

Atividades simples, como alguns comércios e empresas de serviços se encontra nessa lista. Mas de antemão, atividades intelectuais não são permitidas a abertura como MEI.

Atividades intelectuais são as atividades que possuem ensino técnico ou superior, exemplo: contabilidade, advocacia, medicina, entre outros.

II – Faturamento de até R$81mil anual

Não pode ser aberto uma MEI se o faturamento da sua empresa ultrapassar os R$81mil anual, que dá em média R$6.500 mensal.

Lembrando que o cálculo é feito proporcionalmente, ou seja, no primeiro ano que se abriu a empresa deve ser feito um cálculo proporcional.

III – Possuir apenas um funcionário

Essa é uma exigência para abertura da empresa MEI, possuir apenas um funcionário.

Além disso, esse funcionário deve receber apenas um salário-mínimo ou o salário da sua categoria.

Por isso, se pretende contratar mais de um funcionário ou se o pagamento de salário for maior do que o estipulado, não é permitido se enquadrar no MEI.

IV – Não ser dono nem sócio de outra empresa

Possui outra empresa no nome? Está em sociedade com outra empresa? Então não pode ser MEI.

Quando for efetuar o processo de abertura o sistema já irá verificar se possui algum vínculo com outra empresa, se encontrar esse vínculo é barrado na hora.

Quanto custa se tornar MEI?

O único gasto para se tornar MEI é o valor do imposto mensal. Lembrando que esse imposto tem como base o salário-mínimo, então quando o salário-mínimo aumentar esse imposto também sofre alterações.

O valor do Imposto para o ano de 2021 ficou da seguinte forma:

  • Empresas de Comércio e Indústria R$56,00;
  • Empresas de Serviço R$ 60,00;
  • Empresa de Comércio e Serviço R$ 61,00.

Saiba mais detalhes do imposto do MEI através desse Post: Tudo sobre o Imposto do MEI.

Benefícios em se tornar MEI

Como qualquer outra empresa, quando o profissional autônomo se legaliza nesse tipo de empresa possui benefícios. Um desses, que pode ser considerado um dos mais importantes, é estar trabalhando legalmente, sem problemas com o fisco.

Outra vantagem é adquirir o CNPJ, esse número é utilizado no cadastro com fornecedores, para emissão de nota fiscal, para criar conta empresarial e adquirir empréstimos com juros e prazos melhores.

Quer se tornar MEI?

Possuir um CNPJ, legalizar a sua empresa, começar a pagar o INSS são gradativos interessante para abrir uma MEI.

Como foi informado, esse processo de abertura é simples, rápido e gratuito. Mas o recomendável é não fazer com dúvidas.

Conheça um de nossos especialistas e comece o processo de abertura da sua MEI

Captcha obrigatório

Deixe uma resposta

Nenhum comentário para "Tudo o que você precisa saber sobre o MEI – Microempreendedor Individual"

Nenhum comentário até o momento.